Resenha: Extraordinário

Oi, gente. Tudo bem com vocês? Preciso dizer: Finalmente terminei o último livro de 2016 (para ser exata terminei dia 17/01). Dei uma super enrolada pra terminar o livro Extraordinário, pelo simples fato que estou sem nenhum outro livro para ler (os novos só chegam em fevereiro 🙁).

Faz um tempinho que tinha curiosidade em ler “Extraordinário”, e nossa! Que livro mais lindo, gente. Delicado, e cheio de mensagens importantes. A leitura é super leve, e ao longo do livro você vai compreendendo bem sobre o que o livro deseja passar.

O livro começa mostrando a visão da vida do personagem principal, e no decorrer das páginas podemos também ver outros pontos de vista sobre a mesma questão: como viver com sua estranheza e ainda ficar dividido entre ser aceito ou ser gentil. Garanto que tudo é bem mais profundo, mas como esse livro merece que todos leiam não vou me estender muito.

Apenas vou enfatizar uma frase do livro: “Vamos ser mais gentil que o necessário?” Gente, essa frase me atingiu em cheio, pois vamos ser sinceros o mundo está precisando de mais pessoas gentis, só o básico da gentileza não está surtindo efeito. E me fez refletir muito sobre como quero ser, sobre o que sinto, sobre como devo me portar e me importar, e até com o que não devo me importar. Enfim, muitas lições.

Sinopse:

August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade – até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente – convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.

Serviço: O livro é da autora R.J. Palacio e é publicado pela Editora Intrínseca. E está saindo em média por R$ 19,90. 

Bom amores, por hoje é só. Espero que gostem do livro, e quero saber a opinião de vocês. 😘😘😘

Anúncios

Mudanças: Progressiva do amor.

Hello, amores. Como prometido vou contar para vocês a minha mudança super radical. Eu sempre fui adepta aos cachinhos, acho super mega lindo. Porém, contudo, todavia, depois de vários eventos que tive neste ano e que fiz escova para ficar diva, comecei a perceber como era prático ter cabelo liso. Ninguém acredita, mas para ter cachos eu precisava acordar no mínimo meia hora mais cedo, era um passo-a-passo enorme e cansativo, quando viajava eram tantos acessórios necessários para deixar meu cabelo lindo, que canso só de pensar (rsrsrrs).

Meu cabelo era bem cacheado, ficou super liso durante os dias com o produto com o cabelo, e depois ficou bem leve e solto, mas ainda precisarei dar mais uma vez, para ficar liso como eu quero.
Meu cabelo era bem cacheado, ficou super liso durante os dias com o produto com o cabelo, e depois ficou bem leve e solto, mas ainda precisarei dar mais uma vez, para ficar liso como eu quero.

Continue Lendo “Mudanças: Progressiva do amor.”