Resenha: Tartarugas até lá embaixo.

Se você está procurando um livro cheio de pequenos significados e que ao mesmo tempo seja gostoso de ler esse é o “Tartaruga até lá embaixo” do autor John Green. Inclusive ele é um dos meus autores favoritos – pra quem não sabe ele é o mesmo autor do livro “A culpa é das estrelas”. Pasmem! Mas notei que nunca tinha feito uma resenha sobre os livros dele. Ele consegue contar histórias profundas de uma maneira que a gente nem nota o quão profundo é.

Esse livro em questão nos faz questionar quem nós somos, quem queremos ser, como queremos viver. Queremos ser reféns do que achamos que somos ou ser quem quiser?

Aza, a personagem principal, nos faz ver o quão frágil e o quão forte uma pessoa pode ser é que aceitar não é o mesmo que se entregar.

Sobre o livro:

Editora: Intriseca

Preço: de R$ 18 a R$ 34.

A história acompanha a jornada de Aza Holmes, uma menina de 16 anos que sai em busca de um bilionário misteriosamente desaparecido – quem encontrá-lo receberá uma polpuda recompensa em dinheiro – enquanto lida com o transtorno obsessivo-compulsivo (TOC).

Repleto de referências da vida do autor – entre elas, a tão marcada paixão pela cultura pop e o TOC, transtorno mental que o afeta desde a infância -, Tartarugas até lá embaixo tem tudo o que fez de John Green um dos mais queridos autores contemporâneos. Um livro incrível, recheado de frases sublinháveis, que fala de amizades duradouras e reencontros inesperados, fan-fics de Star Wars e – por que não? – peculiares répteis neozelandeses.

Inclusive acho esse um bom livro pra presentear, independente da idade. Ah! E você encontra em lojas físicas com preço bom também. 😉

E aí, quem gosta desse autor também? Dele vocês já leram quais?

Anúncios